quinta-feira, 21 de outubro de 2021

Guanabara oferece oportunidades de emprego para adultos e jovem aprendiz


Oportunidades são para Itaguaí, Campo Grande, Santa Cruz, Padre Miguel, Tijuca, Rio de Janeiro, Bangu, Irajá, Campinho, Duque de Caxias, São Gonçalo, Niterói, Realengo, Taquara, São João de Meriti, Engenho da Rainha, Paciência, Vila Isabel, Vila Valqueire e Palmares. Supermercado ainda desmente que haja qualquer cobrança  sobre venda de apostilas para fazer parte da seleção as vagas


Para maiores de 18 anos

As Vagas são para ajudante de cozinha, fiscal, auxiliar de frente de caixa, balconista, auxiliar fiscal, deposista, fiscal de salão e várias outras.



Jovem aprendiz 

O Guanabara ainda oferece oportunidades para jovem aprendiz. As atribuições consistem em auxiliar no atendimento ao cliente;
Auxiliar na reposição de mercadorias;
Auxiliar no empacotamento e
auxiliar na devolução de mercadorias.


Os interessados devem realizar o curso de capacitação no Senac. Para fazer parte da seleção, os jovens precisam estar matriculados e cursando o ensino fundamental ou médio;
Para o programa de jovem aprendiz é necessário idade a partir dos 14 anos,
Não é necessário experiência.

A escala de trabalho é e segunda a sexta- feira, com o horário de trabalho de 4 horas por dia, disponibilidade para atuar de manhã ou a tarde e curso de capacitação profissional no Senac.


Benefícios 

Refeição no local sem desconto;
Vale transporte;
Participação no resultado do balanço trimestral;
Cesta básica.

Os interessados precisam se cadastrar e efetuar login como candidato no seguinte link:



Todas as vagas estão disponíveis no site do Guanabara. Acesse abaixo:



Site da rede Guanabara com seu aniversário e todas as maiores informações:



Guanabara desmente notícias sobre apostilas 

A rede noticiou que não vende e nem apoia qualquer venda de apostilas para que os interessados possam concorrer às vagas. Qualquer informação dada nesse sentido é mentirosa e em nada tem a ver com a rede de supermercados. 

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

Após atraso na entrega prefeitura de Itaguaí diz que regularizou entrega de kit alimentação a alunos da rede municipal

Atrasos chegaram a ocorrer por três meses 


Itaguaí  - A Prefeitura de Itaguaí, disse que regulariou a distribuição de kits alimentação para alunos da rede municipal de educação. As cestas básicas que são compradas com verbas federais que servem para adquirir a merenda escolar e acrescidas de um montante financeiro ainda maior por parte da prefeitura, voltaram a ser entregues. O benefício chegou a atrasar três meses e os responsáveis reivindicaram o retorno das distribuições. A última cesta que havia sido entregue foi em julho deste ano, ontem e hoje as entregas voltaram a ocorrer na rede pública municipal de ensino. 

Além das cestas, as escolas da cidade tem feito entregas de frutas e legumes, que seriam usadas caso a merenda escolar estivesse sendo feita nas unidades de ensino. Em Itaguaí os alunos estão estudando duas horas e meia por dia no sistema híbrido, onde um grupo vai à escola, enquanto o outro fica com as aulas remotas. Os estudantes intercalam para que não hajam riscos de aglomerações devido a pandemia de Covid-19.

O município afirmou que o atraso ocorreu porque a empresa responsável interrompeu a entrega, alegando que houve aumento nos preços das cestas em relação ao que estava na licitação. Segundo a prefeitura medidas legais estão sendo adotadas para que o fornecimento não seja mais interrompido. 

Defesa Civil de Itaguaí faz vistoria nos bairros após fortes chuvas que atingiram a cidade

 

Itaguaí  - A Defesa Cível de Itaguaí realizou na manhã e na tarde desta quarta-feira vistorias em rios no município. Após uma semana de chuvas intensas, das quais ainda segundo a previsão irão perdurar pelo menos até amanhã, o órgão relatou que a população que possui moradia às margens dos rios acordaram sem os antigos problemas de alagamento.

As fortes chuvas que atingem todo o estado do Rio de Janeiro desde o começo da semana, acrescida com as chuvas que já ocorriam desde desde última sexta-feira, ocasionou diversos problemas. 

terça-feira, 19 de outubro de 2021

Supermercado volta a promover evento de aniversário e fará rodízio de produtos em oferta


Sim, ele está de volta

A rede de supermercados Guanabara anunciou que vai promover este ano o tradicional evento de aniversário com descontos em vários produtos. No ano passado, por conta da pandemia de Covid-19, a rede decidiu suspender a edição de 2020 de um dos principais eventos do varejo fluminense.

Após esse intervalo, o aniversário Guanabara ocorrerá nas 26 lojas a partir desta quinta-feira (dia 21). Para o evento, a empresa negociou com os principais fornecedores de produtos do país para reduzir os preços de vários itens.


Segundo o Guanabara, a edição do evento de 2021 terá ofertas "competitivas", com rodízio dos produtos em ofertas. A empresa reforçou que "será uma campanha diferente, mas que atenderá a demanda dos clientes e respeitará todos os protocolos de segurança exigidos no momento".

Polícia investiga desaparecimento de adolescente de 16 anos na BA: 'Estamos desesperados', diz mãe

Jovem está desaparecida desde o último dia 11


RIO - A Polícia Civil da Bahia investiga o desaparecimento de uma adolescente de 16 anos que foi vista pela última vez em 11 de outubro. Kamille Vitória da Souza Silva saiu da casa da avó, em Conceição do Coité, município localizado a 223 km de Salvador, e teria ido para Feira de Santana. Desde então, a família não tem notícias do paradeiro.

- Não temos notícia alguma, o telefone dela está desligado, já pensei mil coisas e não faço ideia de onde ela possa estar. Só sei que essa saída dela não foi programada. Ela deixou para trás as coisas que gosta e jamais passou uma manhã sem avisar onde estava. Nós estamos desesperados, minha filha é uma menina amada - disse Laise Souza Silva, mãe da adolescente.

Kamille tinha ficado sozinha em casa depois que seus avós saíram, por volta das 9h. A mãe da adolescente mora em Salvador. De acordo com Laise, duas pessoas relataram ter visto sua filha na manhã em que ela desapareceu.

Uma vizinha contou ter visto Kamille caminhando na rua com uma bolsa pequena na mão. E um motoboy admitiu ter levado a adolescente para a Praça do Mercado, de onde saem vans com destino à Feira de Santana. A última conversa da jovem foi com um amigo, que também entrou em contato com Laise.


- Um amigo dela, de Feira de Santana, fez contato comigo e mandou prints para mostrar que eles fizeram uma chamada de vídeo no dia que a Kamille desapareceu. Ela falou que estava no bairro de Cidade Nova, no início de Feira de Santana, indo de Coité para lá. A Kamille falou que foi fazer um trabalho de marketing digital - disse a mãe.

Kamille se apresenta nas redes sociais como profissional de marketing digital. E inclusive menciona quanto havia conseguido de lucro. Mas Laise não acredita que o desaparecimento da filha tenha relação com trabalho.

- Por enquanto a polícia não diz nada, apenas que precisam esperar o juiz dar autorização para a quebra do sigilo do Instagram e do celular da Kamille. Mas eu tenho a senha do Instagram dela e não há nada de diferente nas conversas que ela teve - afirmou a mãe.


A jovem não responde amigos e não atende telefonemas há seis dias. Laise disse que a filha não tinha namorado e a descreveu como uma jovem "de boa educação, boa menina, não usava drogas, toda monitorada e sempre teve que pedir para sair de casa".

Em nota, a Polícia Civil da Bahia informou que um boletim de ocorrência foi registrado na manhã de quarta-feira, na 15ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), do município de Coité. A unidade está apurando o caso.

Fonte: Jornal Extra.

Extra vai ser multado pelo Procon por discriminação e método vexatório de cobrança

Autuação é consequência da prática de algumas lojas da rede de entregar bandejas sem carne para os clientes até que os produtos sejam pagos no caixa

São Paulo  - A rede de supermercado Extra deve ser multada pelo Procon-SP por discriminação e método vexatório de cobrança. O anúncio foi feito nesta terça-feira (18) pelo diretor do órgão de defesa do consumidor, Fernando Capez, após repercutir nas redes sociais a denúncia de que alguns supermercados da rede em São Paulo estavam entregando bandejas vazias de carne para os clientes até que os produtos fossem pagos no caixa. A multa pode chegar a R$ 10,9 milhões.


Ao G1, o diretor do Procon-SP disse ser "inaceitável" que um supermercado adote critérios de discriminação, em razão do local, ou por outro motivo, para não vender um produto de maneira normal. Isso porque, pelo que se sabe até o momento, a prática é adotada em somente algumas lojas e de bairros específicos de São Paulo.

No caso da denúncia que viralizou na internet, a bandeja vazia foi entregue a uma cliente do Jardim Ângela, na zona sul da cidade. O mesmo procedimento não seria adotado em lojas de regiões como Bela Vista e Guarulhos, por exemplo, segundo apuração do G1.
Caso seja comprovada a discriminação, a autuação do órgão pode ser feita com base no faturamento global da rede de supermercados, chegando a R$ 10,9 milhões o valor da multa. Porém, caso não haja comprovação e a prática tenha sido determinada pelos gerentes das unidades, a autuação deve ter base no faturamento de cada loja.
"Vai ser apurado e pode ser que a multa seja aplicada com base no faturamento global, e a empresa que vá se defender depois", disse Capez ao G1.

RESPOSTA DO EXTRA

Em nota enviada ao G1, a empresa reconheceu que a prática "não é pontual". Porém, afirmou que não faz parte da política interna de atendimento e que se trata de "falha de procedimento". Por telefone, a assessoria de imprensa informou: "achávamos que era uma loja e, não sendo, estamos fazendo o que é possível internamente para que isso não aconteça mais e para que sigam o procedimento padrão".

ENTENDA O CASO

A educadora Fabiana Ivo contou em suas redes sociais na última quinta-feira (14) que foi comprar carne para a mãe no Extra do Jardim Ângela, em São Paulo, e, depois de ter escolhido e pesado o produto no açougue, recebeu uma bandeja vazia com a orientação de que voltasse para buscar depois de pagar.



Ela disse ter sentido uma "sensação horrível" e questionou ao atendente o motivo para a conduta da loja. "A resposta à minha pergunta foi: 'moça, pra evitar roubo'", narrou. "Isso é uma afronta a toda a população das quebradas. Duvido que o mesmo acontece no Extra do Morumbi. Raiva resumiu meu dia", desabafou.

Fonte: G1

Bulinho é homenageado na Câmara de Itaguaí

Projeto de lei em tramitação pretende mudar o nome da quadra municipal da cidade em homenagem a ele


A 44ª Sessão Ordinária, realizada na manhã desta terça-feira (19) foi marcada por uma homenagem póstuma. A pedido do vice-presidente Vinicius Alves (Republicanos) foi realizado um minuto de silêncio pelo falecimento de Elsio Sebastião de Oliveira, o Bulinho, personalidade notável da cidade e um grande incentivador da prática de futebol. 

Zelador da Quadra Municipal, que cuidava como se fosse sua própria casa, o profissional era chamado  professor, mestre e até papai Bulinho. Seu zelo com o espaço foi lembrado pelo presidente Gil Torres (PSL) que anunciou que está em tramitação na Casa um Projeto de Lei para alterar o nome da Quadra Municipal de Itaguaí para Quadra Elsio Sebastião de Oliveira. 
A proposta, de autoria do chefe do Legislativo, já tem a assinatura conjunta do vereador Fabinho Taciano (PRTB), e o presidente da Casa convidou os demais vereadores que desejarem assinar com ele a proposta que é um homenagem a uma personalidade que merece ter seu nome eternizado no espaço que sempre cuidou com tanto carinho.

Bulinho era conhecido em toda cidade por sua simplicidade e presteza 

Logo no início da sessão o vereador Sandro da Hermínio (PP) registrou a presença do advogado Vitor Luiz de Andrade. O edil destacou que Vitor tem um currículo com especialização na área de defesa do consumidor e atua na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), sendo um dos responsáveis pela vinda do ônibus da Codecon (Comissão de Defesa do Consumidor) da Alerj, que realizou mais de 100 atendimentos gratuitos no município.

Com a presença de todos os vereadores, a sessão foi breve e teve a votação de Requerimentos e Indicações em bloco, a pedido do segundo secretário, Sandro da Hermínio.
Na Ordem do Dia havia quatro matérias para receber parecer de comissões permanentes. Foram aprovados um parecer da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), um da Comissão de Finanças Orçamento Controle e Prestação de Contas (CFOCPC), e dois da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (CMADS). Todos foram favoráveis e tiveram seu entendimento acompanhado pelo plenário.

Parecer CCJR: Projeto de Lei de autoria do Vereador Alexandro de Paula, que dispõe sobre a obrigatoriedade de hipermercados, supermercados e estabelecimentos similares acomodarem produtos alimentícios em espaço único e específico para pessoas com diabetes, intolerância à lactose e doença celíaca; 

Parecer CFOCPC: Projeto de Lei de autoria do Vereador Guilherme Farias, que dispõe sobre a criação do “Programa Odonto Móvel”;

Parecer CMADS: Projeto de Lei de autoria do Vereador Fabiano José Nunes, que dispõe sobre a instalação de pontos de recolhimento de pilhas e baterias em locais específicos no centro do município;

Parecer CMADS: Projeto de Lei de autoria do Vereador Fábio Rocha, que dispõe sobre a criação de cursos de formação para trabalhadores que atuem nas atividades de coleta seletiva de lixo e de aproveitamento de materiais recicláveis no âmbito do Município de Itaguaí;

Em 1ª Discussão foram aprovados quatro projetos de lei:

Lei 3.971 de autoria do Vereador Júlio Cezar, que Institui o Programa de fornecimento de absorventes higiênicos nas Escolas e Postos de Saúde Municipais de Itaguaí;

Lei 3.972 de autoria do Vereador Fábio Rocha e Sandro da Hermínio, dispõe sobre a implantação do canal de denúncias ou suspeitas de maus tratos contra idosos no âmbito do Município de Itaguaí;

Lei 3.973 de autoria do Vereador Gilberto Chediac Leitão Torres, que disciplina e regulamenta o procedimento de adoção pelas entidades protetoras de animais;

Lei 3.974 de autoria do Vereador Gilberto Torres, que dispõe sobre a promoção da valorização dos protetores e cuidadores de animais soltos ou abandonados no Município de Itaguaí;

A próxima sessão foi marcada para terça-feira (26) às 10h.

Fonte: Câmara Municipal de Itaguaí 

Cartórios passam a reconhecer firma pela Internet sem necessidade de comparecimento presencial

Desde ontem, segunda-feira (18), não será mais necessário ir até um cartório para reconhecer firma no Brasil. Agora o serviço passa a ser oferecido também pela internet. O processo envolve videoconferência com tabelião e assinatura digital.Procedimento assegurado com blockchain permite que assinaturas em documentos sejam reconhecidas por meio da plataforma nacional e-Notariado. Veja como:



Rio - Os cartórios do Rio agora permitem o reconhecimento de firma pela internet. Anunciada nesta segunda-feira, a novidade cria um módulo de Reconhecimento de Firma por Autenticidade da plataforma e-Notariado (www.e-notariado.org.br) que permite a realização do processo de forma totalmente digital.

A mudança deve impactar na vida de muitas pessoas que precisam da autenticação para vários processos, como na transferência de veículos, em contratos de locação de imóvel, autorização de viagem de menores, assim como quaisquer outros contratos ou documentos de natureza econômica. Em todas essas condições, tudo passa a ser virtual, por meio do envio do documento ao Cartório de Notas, videoconferência com o tabelião e assinatura eletrônica.

O reconhecimento, normalmente exigido pelas partes que estão formalizando um negócio jurídico, garante fé-pública, inibe falsificações de assinaturas, e mantém os mesmos efeitos que o procedimento realizado no balcão do Cartório de Notas.

Segundo o Cartório de Notas do Estado, a novidade faz parte de uma série de desenvolvimentos que estão possibilitando a prática dos atos notariais em meio eletrônico, como procurações, testamentos, autenticações de documentos e escrituras públicas de compra e venda, doação, inventário, partilha e divórcio.

"Um dos atos mais praticados e procurados nos cartórios de Notas, agora, poderão ser feitos de forma totalmente online, com total segurança jurídica e de forma a oferecer comodidade aos usuários. É mais uma conquista do e-Notariado que, impulsionado pela digitalização e avanço da tecnologia, possibilita o reconhecimento de firma por autenticidade dos casos mais simples aos mais complexos e envolvendo quantias significativas, reforçando a fé pública dos tabeliães fluminenses", afirma José Renato Vilarnovo, presidente do Colégio Notarial do Brasil, na Seção Rio de Janeiro (CNB/RJ).

Em nota, o Cartório de Notas do Rio explica que para realizar o Reconhecimento de Firma por Autenticidade pelo e-Notariado o usuário deverá ter firma aberta no cartório escolhido e um certificado digital Notarizado ou ICP-Brasil. Após escolher o Cartório de Notas (que pode ser consultado no site www.e-notariado.org.br), o cidadão assina o documento original e o envia à unidade. Na sequência, é marcada uma videoconferência para confirmar a identidade e capacidade civil do solicitante. Em seguida, o usuário assina eletronicamente um termo de validação, o tabelião reconhece a firma autêntica no documento original, disponibilizando-o para retirada ou para que seja entregue ao destinatário.


Neste momento, apenas os Reconhecimentos de Firma por Autenticidade, aqueles onde o cidadão deveria ir presencialmente ao Cartório de Notas assinar o documento diante de um tabelião, podem ser feitos de forma eletrônica. Já os Reconhecimentos de Firma por Semelhança, que costumam ser feitos nos balcões dos Cartórios, onde a assinatura do usuário é confrontada com aquelas depositadas na ficha de firma armazenada na unidade, permanecem sendo realizados de forma física. Já em janeiro de 2022, o Colégio Notarial do Brasil tem planejado o lançamento de um novo módulo, o de Reconhecimento de Assinatura Eletrônica, previsto pelo Provimento nº 100 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Troca de tiros na Dutra deixa um morto na manhã desta segunda


Na troca de tiros com agentes da PRF e policiais 
na Via Dutra homem morre. Com ele foram apreendidas armas e munições dentro do carro. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, homem dirigia veículo clonado, que acabou batendo em mureta. Segundo os policiais, ele estava acompanhado de outra pessoa, que foi levada para hospital.

Rio de Janeiro  - Um homem de 37 anos morreu em uma troca de tiros com policiais rodoviários federais na manhã desta segunda-feira (18), na pista sentido Rio de Janeiro da Rodovia Presidente Dutra, na altura do Jardim América, na Zona Norte do Rio. Dentro do carro onde ele estava, foram apreendidas várias armas e munições (leia mais abaixo).

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o homem dirigia um carro clonado. Segundo os policiais, ele estava acompanhado de uma outra pessoa, que foi levada para o Hospital da Posse. Nenhum agente ficou ferido.

A PRF informou que os ocupantes do carro trocaram tiros com os policiais. O carro acabou rodando na pista, que estava úmida por causa da chuva, e bateu numa mureta. O motorista morreu no local. Uma perícia foi realizada.


O trânsito ficou lento na região, pois a pista foi fechada e o fluxo de veículos foi desviado por uma pista lateral.

Dentro do carro, a polícia apreendeu:

1 Fuzil M4 5.56
1 Espingarda calibre 12
1 Pistola Glock .40 SW Kit rajada
1 Pistola Israelense Bul Armory 9mm
1 Pistola Glock kit Roni
2 Granadas
2 explosivos Artesanais
4 carregadores de pistola .40
1 carregador de pistola 9mm
4 carregadores 5.56
1 carregador estendido 5.56
100 munições de Calibre 12
198 munições .40 SW
15 munições de 9mm
286 munições 5.56
34 munições de 7.62
4 Rádios
2 Coldres
1 Machado
2 Capas de Coletes
2 Cintos de guarnições
1 soco inglês
1 balaclava
1 Tornozeleira Eletrônica
2 Placas de veículo falsificadas

Novo atacadista a ser inaugurado em Itaguaí oferece diversas vagas de emprego

Veja como concorrer às vagas

O Soares atacadista que será inaugurado ainda este ano na Avenida Prefeito Isoldackson Cruz de Brito em Itaguaí e esta em fase final de construção, com mais de 3.000m² de área de venda, está oferecendo diversas vagas de emprego para moradores de Itaguaí e região. 

São vagas operacionais de:
Operador de Caixa;
Operador de loja (devolução);
Operador de loja (repositor/estoque);
Operador de FLV;
Operador de perecíveis (açougue/laticínio)
Operador de prevenção de perdas;
Cozinheiro;
Operador de empilhadeira;
Operador de televendas;
PcD (pessoas com deficiência).

Benefícios:
- Alimentação
- Vale transporte
- Plano de saúde
- Plano odontológico
- Plano de carreira

Desejável experiência no Atacado ou Varejo.
Necessário morar em Itaguaí ou região, com fácil acesso.


Os interessados devem enviar um e-mail com o currículo em anexo e descriminando no campo ''assunto'' a vaga que deseja ocupar.

Enviar currículo no e-mail: recrutamentoeselecao.itaguai@gmail.com

Página do Soares Atacado no Facebook clique aqui